COVID-19 Mães da Favela

O novo vírus do COVID-19 tornou muito mais difícil de se viver nas favelas. SAIBA MAIS

Home > Celso Athayde propõe a criação do Ministério da Favela no Pacto Global da ONU

Celso Athayde propõe a criação do Ministério da Favela no Pacto Global da ONU

Para o fundador da CUFA, a favela merece mais atenção

Para o empreendedor social, a favela merece mais atenção, porque sem o seu desenvolvimento o país fica comprometido socialmente
CELSO ATHAYDE DISCURSANDO NO PACTO GLOBAL DA ONU

O CEO da Favela Holding e fundador da Central Única das Favelas (CUFA), Celso Athayde, discursou no Pacto Global da ONU, neste último final de semana, em Nova York.

Dentre outras ideias, sugeriu que o próximo governo eleito no Brasil se comprometa a criar um Ministério da Favela, pela importância que esse território carrega.

De acordo com Celso, as favelas brasileiras, pelas favelas terem 17 milhões de moradores no Brasil e movimentarem R$ 180 bilhões por ano, com isso esses territórios merecem uma atenção maior por parte dos governantes, no futuro breve.

“Quando falo que favela é potência é muito por isso. As favelas brasileiras seriam quarto maior do país e maiores que dois terços dos países do mundo. Portanto, não existe desenvolvimento de sociedade sem o desenvolvimento da favela. Caso contrário haverá um caos entre a sociedade e o nosso território. E espero que o caos não seja o desejo de ninguém”, explicou Celso.

Em sua fala, Celso também enfatizou a importância do empreendedorismo entre os moradores de favelas, já que 50% deles se consideram empreendedores. Portanto, com incentivo para tocarem os seus negócios, essas pessoas são capazes de promover uma revolução dentro da sociedade.

Gostou da ação?

Então participe. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Donec sit ame

Faça Parte

Destaques

Fazendo do nosso jeito há 20 anos

Mais de 1000 projetos desenvolvidos em todos os estados do país

Ver todos os projetos