• Ação Humanitária
  • CUFA e Comunidade Door lançam neste domingo campanha “CUFA Contra o Vírus”

A fim de contribuir para o combate ao Coronavírus, principalmente nas favelas, a Central Única das Favelas (CUFA) vai lançar a campanha “CUFA Contra o Vírus”, sob a direção geral de Celso Athayde, fundador das duas instituições.

A campanha irá para as redes sociais na noite do próximo domingo, dia 22 de março, através de uma música que foi escrita a 4 mãos, Dudu Nobre, Edi Rock (um dos líderes do Racionais MCs), Dexter e Ivo Ivo Meirelles. Além da interpretação dos quatro, o clipe conta com grandes nomes da música brasileira como Xande de Pilares, Mumuzinho, Alcione, Péricles, Ferrugem, Karol Conka, Leo Santana, Sandra de Sá, Grupo Bom Gosto, Serjão Loroza, Pretinho da Serrinha, Andrezinho do Molejo, Mc Menor MR, Raí BG, entre outros.

“A ideia surgiu num papo com um amigo chamado Sérgio Valente. Entendo que a música dentro da favela sempre foi muito potente. Por isso, através dela, queremos conscientizar seus moradores a tomarem os cuidados adequados contra o Coronavírus. Por isso, escolhemos artistas que sabemos que falam a língua das favelas”, explicou Celso Athayde, fundador da CUFA.

“Quando o Celso me ligou pedindo para produzir a parte musical do projeto, eu fiquei feliz por me dar a chance de contribuir com as favelas nesse momento de tensão”, disse o sambista Dudu Nobre, produtor artístico do projeto.

Mas se engana quem achar que os cantores são os únicos a contribuírem. Todos podem e devem participar do movimento, basta fazer um vídeo cantando o refrão da música e usando a hashtag #cufacontraovirus (sem acento).

A intenção da instituição é mostrar para os moradores das favelas e periferias que, com gestos simples como lavar as mãos por exemplo, o Coronavírus poderá impactar menos do que todas as projeções feitas até aqui. Só depende de nós.  

“O site da CUFA e suas redes, nesse momento, estarão exclusivamente focados em informações sobre como a favela poderá se proteger e por isso quem tiver sugestões, fique à vontade de passar”, disse Marcus Vinícius Athayde, um dos coordenadores da ação.

 

Música - O Mundo Parou

 

Diretor Geral - Celso Athayde

Produtor executivo - Marcus Vinícius Athayde

Coprodutor executivo - Flavio Régis (Bom Gosto)

Produtor artístico - Dudu Nobre

Produtor Musical - Dudu Nobre e Duzinho Soares

Autores - Dudu Nobre, Edi Rock, Dexter e Ivo Meirelles 

 

Vídeo Clipe

 

Ficha técnica

 

Direção - Celso Athayde Júnior e Marcus Vinícius Athayde

Produtora - CUFA (Central Única das Favelas)

Edição: Édipo Ferraz

 

OBS: Todo o projeto foi realizado por vídeos enviados pelos artistas de dentro das suas residências, bem como a edição.