• Arte e cultura
  • Com camisa autografada por Pelé e violão de Chitãozinho e Xororó, entre outros itens, leilão arrecada lances para ajudar Mães da Favela

Dando continuidade às ações de mobilização em prol das mães solo que vivem nas mais de 5 mil favelas do país, a Central Única das Favelas (CUFA) fortalece a segunda etapa do projeto Mães da Favela com o lançamento de um leilão virtual, em parceria com a Sold Leilões, que conta com o apoio de importantes figuras do esporte e do entretenimento do Brasil, que contribuíram com itens de seus acervos pessoais para levantar fundos para a causa. O total arrecadado com os lances será revertido em “Vales Mães” (R$120) e distribuído para as mais de 50 mil mulheres cadastradas no programa, a fim de seguir atenuando as suas dificuldades geradas pela pandemia. 

Entre os itens apresentados por grandes nomes do esporte estão: camisas autografadas por Pelé, Raí, Nalbert, Virna, a prancha de surf do campeão mundial Ítalo Ferreira, entre outros. Das personalidades do entretenimento, o leilão disponibiliza peças como um violão autografado pela dupla Chitãozinho e Xororó, desenhos exclusivos de Mauricio de Souza, vestido do acervo da apresentadora Hebe Camargo, experiências com Eliana, Luciano Huck, Dudu Nobre e Galvão Bueno, terno do acervo do cantor Jair Rodrigues e um jantar especial da Chef Bel Coelho.

 “Temos milhões de mulheres que estão desamparadas por todo o Brasil, sem condições de colocar dinheiro em casa por conta do isolamento. Contar com o apoio de nomes tão importantes para a história do Brasil nesse leilão, nos dá mais força para levar ajuda até elas”, explica Celso Athayde, fundador da CUFA e idealizador do projeto. 

Para conhecer todos as opções disponíveis e participar, basta acessar o link www.sold.com.br/maesdafavela, escolher o item desejado, dar o lance e acompanhar até o dia 27 de maio, às 12h, quando se encerra o leilão.